terça-feira, 28 de março de 2017

10 PASSOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA AUTOGESTÃO COMPORTAMENTAL

 

São as nossas decisões, ações e respostas às situações surgidas no nosso caminho que irão influenciar diretamente na qualidade de vida que estamos construindo. Dessa forma, devemos sempre ter o cuidado de analisar os nossos comportamentos e como eles estão contribuindo para os resultados que temos obtidos.

Abaixo temos um rápido roteiro para nos ajudar a analisar nossa AutoGestão Comportamental:

1 - Compreender os nossos sentimentos e comportamentos:
Atuamos de forma mais equilibrada e madura no palco da vida quando conhecemos a nós mesmos; quando buscamos a compreensão dos nossos sentimentos e buscamos compreender a razão dos nossos comportamentos.

2 - Desenvolver a competência emocional:
Desenvolver a competência emocional é desenvolver a capacidade de enfrentar as adversidades de forma equilibrada, com maturidade e serenidade.

3 - Desenvolver a proatividade:
Desenvolver atitudes proativas é desenvolver a capacidade de direcionar os comportamentos, balizando-se nas próprias decisões e experiências, e não em condições ou atitudes externas.

4 - Desenvolver a autoestima:
Desenvolver a autoestima é adquirir a crença em si mesmo; é acreditar que é capaz de enfrentar as dificuldades com sucesso.

5 - Desenvolver atitudes resilientes:
Desenvolver atitudes resilientes é adquirir a capacidade de enfrentar as adversidades com controle emocional, de sempre encontrar uma saída para as adversidades de forma equilibrada, sem se deixar vencer pelas adversidades.

6 - Desenvolver os potenciais:
Desenvolver os potenciais é buscar meios de colocar em prática efetiva os conhecimentos e as habilidades que dispomos e adquirimos ao longo da vida.

7 - Mudar comportamentos e atitudes:
Compreender que só poderemos provocar mudanças em nossas vidas através da nossa transformação, buscando a mudança de comportamentos e de atitudes.

8 - Aprender a lidar com os relacionamentos:
Aprender a lidar com os relacionamentos é estabelecer e manter relações saudáveis, no âmbito familiar, afetivo, social, profissional, etc. respeitando a individualidade, os desejos e os sentimentos de cada pessoa.

9 - Assumir a responsabilidade pela própria vida:
Compreender que somos os responsáveis diretos pela construção do nosso caminho e da nossa história, e que o nosso destino depende das nossas escolhas e atitudes.

10 - Desenvolver Maturidade Emocional:
Maturidade é não culpar nada nem ninguém pelo que lhe acontece e assumir os destinos da sua vida, com seus erros e acertos. Sabendo lidar com os momentos difíceis e com as perdas, sabendo comemorar as conquistas e aprendendo a apreciar o que a vida lhe proporciona.

Um abraço e até a próxima publicação.

Gilson Tavares
Psicanalista Clínico
Psicanalista Organizacional
Administrador
Especialista em Gestão de Pessoas
Professor Universitário
Palestrante Motivacional e Comportamental

Veja também:

Dicas rápidas - Gestão Comportamental: Pessoas e Negócios 

http://gilsontavares.blogspot.com.br/p/dicas-rapidas-gestao-de-pessoas-e.html

 Vídeos de 3 a 5 minutos, com dicas relevantes de comportamentos e atitudes que contribuem para a construção de uma vida de equilíbrio, realização e satisfação, tanto no âmbito pessoal quanto no âmbito profissional.

 

O QUE LHE PRENDE NA SUA ZONA DE CONFORTO? 

 

 INTELIGÊNCIA EMOCIONAL E EMPREGABILIDADE


 QUAIS SÃO OS SEUS TALENTOS E O QUE VOCÊ TEM FEITO COM ELES?


A COMPETÊNCIA EMOCIONAL E O MARKETING PESSOAL 

 

 
http://gilsontavares.blogspot.com.br/p/blog-page_29.html

http://gestaodepessoasenegocios-gpn.blogspot.com.br/

http://projetoreinventar-se.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário